quarta-feira, 16 de abril de 2014

Adjetivos escabrosos - reedição

  




A discriminação e a prepotência,  para mim, são os dois adjetivos mais escabrosos e imperdoáveis por Deus. Se não houver por parte dessas pessoas uma remissão dos seus atos, dificilmente entrarão no Reino dos Céus. Deus nos fez a Sua imagem, portanto somos todos iguais.
Dou como exemplo a discriminação televisiva: nas novelas, que há muito não perco meu precioso tempo em assisti-las, mas vemos que temos muitos talentos negros, os quais pouco aparecem e, muitas vezes servindo apenas como empregados subalternos.
Isso reflete nas crianças em escolas que também são discriminadas por alguns professores infelizes. Esses professores agradam  e elogiam mais os “branquelos” que os negros e, ainda dizem que são negros fétidos tecendo tais comentários discriminatórios para os outros professores. Que horror!!
Eu, sou professora com descendência negra, mas infelizmente de pele morena clara, revoluciono meus alunos para a questão da discriminação. Trabalho com muita ênfase sobre a escravidão, sabem de cor a história de Zumbi e não aceito de forma alguma qualquer tipo de discriminação. Talvez seja por isso que meus alunos têm sucessos nos seus aprendizados e muitos deles se agrupam para fazerem estudos e os negros são os mais requisitados para participarem dos grupos. É uma delícia trabalhar com crianças de uma forma igualitária.
A prepotência é algo que enoja: se sobem um degrau no emprego, subjugam seus "empregados", como se fossem deuses. Digo deuses, pois não haveria comparação com Deus. Se já no topo do sucesso levam um belo tombo não perdem as suas arrogâncias. Vão se endividando, mas mantendo a falsa aparência...Que tristeza! Um dia a "bomba" estoura e daí?
Como moro numa cidade pequena, quase todos se conhecem. As fofocas correm de vento em popa. Eu procuro fazer a minha parte, cumprimento todo mundo, ganho tempo jogando conversa fora, sorrindo e vivendo.
Portanto, acredito que o Céu ficará quase vazio; pois muitos jamais mudarão seu modo de ser e, sabemos que poucos serão escolhidos para viverem no Reino dos Céus.



19 comentários:

  1. Escolheste bem os adjetivos.Ambos são feios e só fazem mal! Uma pena que ainda vemos tanto deles por aí! bjs, lindo dia! chica

    ResponderExcluir
  2. Enquanto a cor da pele for mais importante do que a pessoa, com certeza não teremos Deus nas nossas vidas.
    Amai-vos uns aos outros como eu vós tenho amado (essa é uma lição que Deus deixou).

    bjokas =)

    ResponderExcluir
  3. Boa reflexão, Dorli! Devemos mesmo ver e sentir com os olhos e coração de Deus! Puros!...

    Beijos e Boa 4ª Feira...

    ResponderExcluir
  4. Palavras sábias amiga Dorli.
    Infelizmente ainda há muita descriminação e para os olhos de Deus,somos todos iguais,não há essa separação quanto a cor da pele o que vale é a cor d'alma,branca e transparente.
    bjs amiga,adorei essa reedição do seu texto
    Carmen Lúcia..

    ResponderExcluir
  5. Dorli querida, concordo contigo em gênero , número e grau, esses são realmente, duas pragas as quais, graças a Deus eu não sofro. Um bjão

    ResponderExcluir
  6. Como eu te compreendo, querida Dorli.

    Jesus veio buscar os pecadores e o julgamento chegará a todos.
    Não há que preocupar.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  7. Dorli querida amiga

    Não podia estar mais de acordo. É de lamentar que em pleno século xx1 ainda existam na mente de certas pessoas essas ideias de racismo e descriminação. Será que alguma vez vai mudar? Seria bom que sim.

    Obrigado pela sua amizade e visitas ao meu/nosso cantinho

    Deixo abraço e votos de Feliz Páscoa
    *****************************************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  8. Palmas e mais palmas!!!!!!! Beijos....

    ResponderExcluir
  9. Boa tarde,
    A descriminação é fruto da mal educação, descriminar é contribuir para a marginalização, sua palavras são sabias e atinge a realidade.
    Dia feliz
    ag

    http://momentosagomes-ag.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  10. Boa tarde querida Dorli, obrigada pelo o carinho de sempre.
    Eu estava com saudades de você, e de te lê, ainda existem pessoas como você, nessa blogosfera, gostei de te ver no meu blog, é sinal que sentisse minha falta.

    Obrigada amiga, acabei de lê teu conto, sempre encantando agente com suas lindos textos.

    Amiga sempre que puder eu volto aqui, Um abraço na alma!

    Maria Machado

    ResponderExcluir
  11. Infelizmente tudo o que vc escreveu aqui é pura realidade. Vamos esperar que a consciência das pessoas se renovem e consigam enxergar que somos todos iguais. Parabéns pela postagem. Bjsss

    ResponderExcluir
  12. Boa noite

    Lindo e refletivo texto.... Parabéns...
    Já ia sendo tempo de pensarem que somos todos iguais.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  13. Estamos aqui na terra de passagem, Dorlí
    Perante os olhos de Deus somos todos iguais
    Gostei muito do seu texto
    Te desejo uma abençoada e Feliz Páscoa
    Beijinhos carinhosos de
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  14. Boa noite Dorli.. infelizmente podemos dizer que estamos passos a frente das almas novas que vão chegando sem consciência.. um dia elas vão aprender assim como nós estamos aprendendo bjs e uma linda noite

    ResponderExcluir
  15. Olá amiga Dorli.

    Adorei ler o teu texto. Eu também não sou preconceituosa, somos todos iguais. As diferenças mais preocupantes, digamos assim, são as pessoas com preconceito e as pessoas sem preconceito.
    Parabéns por seres uma linda pessoa. :)
    Feliz Páscoa, minha amiga!

    Beijinhos,

    Cris Henriques

    http://oqueomeucoracaodiz.blogspot.com/

    P. S. - Respondi à tua questão no meu blogue. ;)

    ResponderExcluir
  16. MUY REFLEXIVO Y COHERENTE TEXTO.
    UN ABRAZO

    http://enancasdelarazon.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Concordo com você.
    É muito triste ver essa discriminação.

    "Ninguém nasce odiando outra pessoa pela cor de sua pele, por sua origem ou ainda por sua religião.
    Para odiar, as pessoas precisam aprender, e se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar.

    Nelson Mandela"

    Beijos

    ResponderExcluir
  18. Verdade Dorli, infelizmente ainda existe muito preconceito!
    Só quem passa por isso é que sabe! Ótimo texto!
    Bjs
    Amara

    ResponderExcluir
  19. Querida Dorli
    Dois problemas com que continuaremos a debater-nos ainda durante algum tempo!
    Obrigada pela reflexão.
    Boa Páscoa.
    Beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir