segunda-feira, 20 de abril de 2015

Olhos do amor



Eu te vi
Na ilha do amor
O teu olhar
 Me emudeceu

Paralisada fiquei
Sinto "suado"calor 
É inverno
Corpo gemeu

Apaixonei-me
Uma neblina
Pairou no ar
Você me olhou

Aproximou-se
Beijou-me
Ah! acordei
Gelei


20 comentários:

  1. Soneto-acróstico
    Ao olhar

    O amor tem olhos mais que infinitos
    Lê nas entrelinhas coisas estranhas
    Há nesse olhar um pedido mui aflito
    Opresso, que atenção porém ganha.

    Soletra pois, nosso aflitivo dissabor
    Devagar não nos julga mas informa
    Ouve pois cada lamento, cada teor
    Assim a existência dá a nova forma.

    Mas diga porque, me fale, por favor
    O que esse olhar nossa vida torna?
    Receio que se torne tão somente dor.

    ResponderExcluir
  2. O suor em peleno inverno só pode ser resultado de um toque especial demais! Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Gelei também... só de ler rs rs. Parabéns, Dorli. bjssss

    ResponderExcluir
  4. Eu não gelei, mas gostei do poema. Os olhos são o espelho da alma, diz-se. E
    no meu caso são o que mais me atrai nas pessoas. E se um olhar pode ser um poema, foi nisso que a amiga fez.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. Bom dia Dorli

    O Sonho era lindo....Mas quando se acorda, que decepção. Lindo lindo.

    Beijo, e um dia feliz

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Poema lindo.
    Não podes acordar dum sonho assim, Dorli. É quase um crime!
    Gostei.


    Beijos



    SOL

    ResponderExcluir
  7. Que sonho maravilhoso Dorli.
    Pena que tenha sido somente um sonho.rsrsrs
    bjs querida amiga.

    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
  8. Oi Dorli! Pena que o despertar surgiu muito rápido, poderia ter demorado mais alguns minutos. Rsrs. Lindo!

    Beijos e muita saúde e paz para ti e para os teus.

    Furtado.

    ResponderExcluir
  9. Lindo, Dorli, inspirador... gosto de tudo que tem um toque de paixão. Um abraço!

    ResponderExcluir
  10. Muito bom esses versos.

    Arthur Claro
    http://www.arthur-claro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ah amiga, poxa!!!! Era só sonho.... que pena.
    Estava tão gostoso... rsrsrsr
    Bjuss amei!

    ResponderExcluir
  12. Que linda poesia, Dorli, parabéns pela inspiração. Muito bom. Uma noite linda e abençoada prá vc querida Bjs

    ResponderExcluir
  13. Sonho ou realidade? o importante é amar...
    Bjs

    ResponderExcluir
  14. Um olhar como esse é de fazer tremer a mais gélida criatura! Belos versos!
    Tudo bem contigo, amiga?
    Grande abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
  15. Oi Sonia
    Gélida? Eu?
    Seria bom....
    Dorli

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não,Dorli, não me referi a ti, menina, logo tu que és puro romantismo e paixão.
      Abraço!
      Sonia

      Excluir
  16. Será possivel, Dorlizinha? Sonhando com um sujeito lindo daqueles, você tinha que acordar bem na hora "H"? Que pena menina...
    Beijo, Dorli e não acorde mais em horário impróprio rsrs!

    ResponderExcluir
  17. "Ai, ai ai meu Deus, por que tive de acordar
    Se a vontade que eu tinha era ainda dormir e sonhar"
    (Adilson Ramos)>
    "Melhor sonhar na verdade
    Que amar na mentira"
    (Moacyr Franco)
    'A realidade é o sonho
    com menos dimensões"
    (tesco)
    Beijos.

    ResponderExcluir