quarta-feira, 16 de maio de 2018

Abracei a solidão





Fiquei só na vida
Tenho apenas dez anos
Acordei, chorei
Meus pais se foram

Abracei a solidão
Sem saber o que fazer
Chorei a solidão
Mas resisti a dor

 Embaixo da cama 
Vi uma mala de dinheiro
Tomei banho, fiz café
Saí pra curtir minha dor

Todos ficaram sabendo
Ninguém me ajudou
Nem uma conversa
 Medo que pedisse ajuda

Cresci e no meu quarto
Chorava a tal solidão
Abraçava o travesseiro
Era mais quentinho

Nada falava, estudei muito
E até na Faculdade entrei
Estudei muito grossos livros
Queria ser advogada

No último ano pedi ao professor
Se poderia ser meu padrinho
Da colação de grau e baile
Sabia solteiro e me apaixonei

Nos casamos e fomos morar
Num lindo apartamento
Ali contei minha vida
Que só abraçava a solidão

Meus pais me abandonaram
Tinha apenas dez anos
Deixou casa e muito dinheiro
Com ele fomos ver a casa

Pequena, tudo arrumadinha
Deixei a solidão na casa
E também um bilhete
Pai e mãe podem voltar

Sempre fui equilibrada
Continuei os meus estudos
Queria ser juíza e consegui
 Fomos viajar para a França

Para deixar a solidão e abraçar o amor

9 comentários:

  1. Se abraçou o amor, então é porque conseguiu sair da solidão :)) Adorei.

    Hoje:- Não sofras por não me teres, não é verdade.

    Bjos
    Votos de uma óptima Quinta - Feira

    ResponderExcluir
  2. Tristes versos de menina que ao final acabou bem! bjs, chica

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Amiga Dorli!
    Amei o poema.

    Desejo que se encontre bem.


    Beijo e um dia feliz!

    ResponderExcluir
  4. Que bela triste criatividade. O poeta se coloca onde quer e faz coisas belas. O amor é o ponto de equilíbrio e tudo revoluciona.
    Abraços amiga. Saudades daqui.
    Beijo de paz e feliz fim de semana com paz e alegria.

    ResponderExcluir
  5. Não há dor que perdure pra sempre amiga Dorli!Versos doridos mas com final feliz. Amei!
    Querida, deixo um link pra vc visitar.

    http://preenchendootempo.blogspot.com.br

    è do blog onde posto trabalhos sem a vogal "A", lá tem uma página sua. Confira.
    Bom findi!
    Bjss!

    ResponderExcluir
  6. E tudo acaba bem, quando o amor se faz presente.
    Um abraço e bom fim de semana

    ResponderExcluir
  7. Que bom que a solidão deu lugar ao amor.
    beijinhos
    Maria
    Divagar Sobre Tudo um Pouco

    ResponderExcluir
  8. Lindas palavras, Dorli.
    Amo os seus poemas...

    Beijos.


    .

    ResponderExcluir