Um amor quando é verdadeiro nada o destrói. (Reeditando)


Amor modifief.jpg

O amor verdadeiro é aquele que não escolhemos
Ele chega devagarzinho para nos fazer feliz
Ser feliz é ter paciência e perseverança
Num relacionamento ou amamos ou não

O amor verdadeiro não morre por bagatelas
Intrigas, desrespeito e muito medo
Medo de que? Enfrentar a vida a dois?
Ninguém é perfeito, moldamos nosso parceiro(a)

Queremos curtir a vida pois não nos demos tempo
É enterrarmos numa corrente de desamores
Depois nos virá a solidão e as desilusões
E o arrependimento chega fora de hora

Quando percebemos o erro que cometemos
Já é tarde demais, demais, demais...
Nosso amor encontrou outro amor
E por ele(ela) se apaixonou. Que triste final!


Dorli Silva Ramos

8 comentários:

  1. El Amor Verdadero es firme ante vientos y mareas. Esta lleno de sentimiento que jamás se dejará vencer por devaneos artificiosos e interesados.
    Preciosa Poesía.
    Abraços e beijos.

    ResponderExcluir
  2. Um amor verdadeiro supera barreiras,mesmo que sejam algumas que por um momento nos causam mágoas;mas acabamos perdoando,isso faz com que ele seja mais forte e verdadeiro.Não aprovo mentiras e nem traições,mas às vezes algumas palavras que falamos,acabamos magoando a pessoa amada e ai sim caberia o perdão.E se não houver respeito de ambas as partes,acabará o amor.

    Bjs Dorli.
    Carmen Lúcia-mamymilu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Querida Dorli,

    Eu acredito no amor verdadeiro. Ee é simples, mas para que este nobre sentimento sobreviva ao passar do tempo, ele precisa que os pares não tornem a convivencia complicada demais.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Querida amiga,
    o amor quando é verdadeiro suporta tantas coisas!
    E não é qualquer vendaval que o derrubará.
    O único que ele jamais suportará, é a infidelidade.
    Beijos amiga, boa noite!

    ResponderExcluir
  5. Dorli tudo bem?

    O amor quando verdadeiro não deixa espaço para coisas pequenas.

    Bjo mulher!


    ResponderExcluir
  6. Pois é amiga, devemos nos entregar ao amor sem medo quando ele chega e se não tiver consistência suficiente, respeito e confiança, não vinga, logo acaba e a vida segue. Bjus querida.

    => Gritos da alma
    => Meus contos
    => Só quadras

    ResponderExcluir
  7. Olá Dorli, Parabéns pelo texto! O amor... Sentimento tão sonhado, tão cantado, tão descrito, tão citado, tão almejado e muitas vezes pouco valorizado. E o pior que só se descobre o verdadeiro valor quando se perde. A perda se dar, justamente porque nunca soube o que era amar. Bjs!

    ResponderExcluir